A possível seleção da Champions League

Via Goal 

a-possivel-selecao-da-ucl

O início de mais uma edição repleta de estrelas da Champions League está mais próximo do que nunca, com os melhores jogadores de futebol do mundo disputando o título da competição de clubes mais cobiçada da Europa. Tendo em conta a capacidade de suas respectivas equipes para ir longe no torneio, oGoal traz para você os 11 jogadores que podem ser as estrelas dos seus times no caminho até a final em Lisboa.

dream-team-ucl-2013-14

Thibaut Courtois – Atlético de Madrid / Bélgica

Em um grupo teoricamente fácil, não há dúvidas de que o Atlético de Madrid tem o que é preciso para avançar às quartas de final da Champions League. Enquanto David Villa pode ser a peça chave para a equipe ofensivamente, o jovem goleiro belga está pronto para ser o destaque defensivo do clube. O jogador, de 21 anos, nunca disputou uma Champions, mas tem demonstrado todo seu potencial e está pronto para fazer sua estreia na competição, sob o comando do técnico Diego Simeone, e provar que há mais do que um grande time na capital espanhola.

Stephan Lichtsteiner – Juventus / Suíça

O lateral-direito suiço tem sido um dos mais subestimados defensores no futebol europeu, mas nesta temporada, com a Juventus capaz de ir longe na competição, será capaz provar o seu valor. Com extrema confiança defensiva, ele também é capaz de atuar em outras funções. Seus atributos, regularidade e consistência tática devem fazê-lo ser um dos melhores jogadores da posição nesta temporada.

Dante – Bayern de Munique / Brasil

Zagueiro central dos campeões da temporada passada, o jogador, de 29 anos, destacou-se na última Champions League sob o comando de Jupp Heynckes na Allianz Arena e agora é visto como um dos melhores jogadores na sua posição. Com os bávaros prontos para se sobressair novamente, desta vez sob a orientação de Pep Guardiola, é Dante que fará o papel-chave na retaguarda do Bayern de Munique.

Thiago Silva – Paris Saint-Germain / Brasil

Considerado por muitos o melhor zagueiro do mundo, o jogador da Seleção Brasileira será vital ao PSG para que o clube francês possa avançar além das quartas de final, feito conseguido na temporada passada. Com um grupo relativamente simples, o ex-Milan não deve ser muito exigido no primeiro momento da competição, mas é provável que precise mostrar a sua melhor forma nas fases eliminatórias. Ele irá atuar exemplarmente como fez quando o PSG esteve perto de bater o Barcelona na Champions League passada, antes de serem eliminados pelos gols marcados fora após dois empates.

Ashley Cole – Chelsea / Inglaterra

O experiente inglês continua a ser visto como um excelente lateral-esquerdo e deve ter mais espaço ainda para apoiar no sistema de jogo adotado por José Mourinho no Chelsea. Embora Cole seja adepto de ajudar no ataque, ele faz isso de uma maneira equilibrada, o que significa que as responsabilidades defensivas dele raramente são comprometidas. Mesmo aos 32 anos, ele continua a ser um modelo para o futebol moderno e ofensivo.

Ilkay Gundogan – Borussia Dortmund / Alemanha

O Borussia Dortmund, sob o comando de Jurgen Klopp, não terá vida fácil em um grupo, com Arsenal, Napoli e Olympique de Marselha como adversários, mas o meio-campista Gundogan deve ajudar o BVB a classificar-se e chegar às fases finais da competição. Extremante enérgico, o jogador alemão possui o estilo de jogo do Dortmund, que, com um futebol aguerrido chegou à final da Champions League na última temporada. Enquanto o clube tenta repetir o feito, o jovem jogador, de 22 anos, continua em boa fase.

Paul Pogba – Juventus / França

Talvez o jovem meio-campista mais promissor do mundo, Pogba começou a conquistar espaço na Juventus, que preza a qualidade dele. Para o jogador, de 20 anos, certamente não falta confiança, pois ele está extremamente adaptado ao meio-campo do clube italiano. Com os campeões italianos prontos para serem competitivos a nível continental, o jovem, formado nas categorias de base do Manchester United irá provar aos ingleses que estavam errados em subestimar o talento dele.

Franck Ribéry – Bayern de Munique / França

Um herói na Baviera pelas excelentes performances pelo Bayern de Munique, o francês é considerado, junto com Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, um dos candidatos à Bola de Ouro, o que mostra o ano fantástico que ele teve. Eleito o melhor jogador da competição na temporada passada, espera-se que o jogador impressione também nesta edição da Champions League.

Oscar – Chelsea / Brasil

José Mourinho possui vários jovens meias talentosos à sua disposição nesta temporada, como Eden Hazard e André Schürrle, mas foi Oscar quem apresentou a maior maturidade no último ano e que deve brilhar nesta edição da Champions League. Sua qualidade técnica e regularidade o colocam até mesmo à frente de Juan Mata no clube inglês. O brasileiro será a arma ofensiva do Chelsea em busca de outro título na competição.

Cristiano Ronaldo – Real Madrid / Portugal

Cristiano Ronaldo pode ter perdido o posto de jogador mais caro do mundo para Gareth Bale, mas seu novo contrato mostra que ele ainda é o principal destaque do Real Madrid. O estilo de jogo fenomenal do português certamente tornarão ele um dos jogadores de destaque na Champions League, com o time comandado por Carlo Ancelotti na busca incansável pela La Décima.

Lionel Messi – Barcelona / Argentina

Enquanto o Barça de Tata Martino ainda não está tão pronto como as equipes catalãs do passado recente, a estrela argentina permanece sendo o melhor jogador do planeta. O atacante, a nível de clube, marcou média de um gol a cada jogo nos últimos cinco anos e é difícil de imaginar que ele vá diminuir o ritmo nesta temporada. Junto à Neymar, ele será um dos principais destaques nesta competição.

Comentários

INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL
Pelada na Net
E-Consulters Web Não Intendo Tenso O Macho Alpha Testosterona Capinaremos Mentirinhas Will Tirando
Categorias
<