Coxa Doido #2 – As férias do líder

Por Dago Bernardi 

noticia_260560_img1_gol-do-coritiba-foto-franklin

3 vitórias, 2 empates e 400 gols, os números resumem o coxa na primeira parte  do brasileirão 2013.

Mesmo sem empolgar a torcida com um futebol bem jogado e dominando os jogos o alviverde terminou os jogos pré-copa das confederações como líder, inesperado é verdade, mas merecido, venceu dois dos grandes favoritos ao titulo e fez sua parte contra times que não vão passar da décima colocação. Até agora os mais de 70% de aproveitamento vieram com jogos com poucos gols, seis, três deles do artilheiro Deivid que mesmo lesionado fez sua parte no ataque, a defesa tomou três, por bobeira do sistema defensivo, seja por desatenção ou falha, por enquanto esses gols não causaram danos, mas podem tirar o sonho do titulo se continuar assim. A meia cancha é o ponto forte do time, é a chegada dos volantes no ataque que desorganizam as defesas, a cadência do craque cabeção tranqüiliza o time e vindo do banco Bottinelli e Lincoln mantém o ritmo dos titulares, quem não segue bem é Urso, mal no ataque, mal na defesa, poucos jogadores da história do verdão são tão contestados, ninguém sabe ao certo o porquê Willian está no banco, nem Marquinhos sabe o motivo.

Mas nem as vitórias, nem a liderança são tão importantes quanto o golaço de Alex contra o Fluminense, um gol histórico de número 400 na carreira, e só podia ser na casa do craque com o manto sagrado alvi-verde.

 Agora é aproveitar as férias, recuperar a forma dos jogadores e por pra jogar quem volta de lesão, essa inter-temporada bem feita vai garantir um Coxa ainda mais forte, K9, Emerson, Sérgio Manoel, Deivid, Rafinha todos devem voltar aos jogos na melhor forma.

Notas da piazada nos cinco jogos:

Vanderlei – 5,0: Ainda dá sustos nas saídas de cruzamento, toma gols bobos, mas faz defesas monumentais.

Victor Ferraz – 6,0: Apóia bem o ataque, mas falta acertar o ultimo passe, na defesa não compromete.

Leandro Almeida – 8,0: Um dos melhores zagueiros do campeonato, sempre bem posicionado e atento a dupla com Emerson promete.

Chico – 4,0: Sabe se posicionar e marca muito bem, mas quando tenta sair jogando complica o time todo.

Diogo – 5,5: Ainda se acertando no time, essa pausa vai ser boa para o pia se entrosar.

Jr. Urso – 4,0: Mal no ataque, mal na defesa, bom seria no banco de reservas.

Robinho – 7,0: Fez sua parte até agora, não compromete a defesa, apóia e faz gol.

Gil – 8,0: O volante roubou bolas e marcou muito bem e ainda chegou ao ataque com muito perigo no chutes e cruzamentos.

Alex – 400: Fez o que se espera de um craque, decidir jogos e ainda sobrou tempo para ele fazer história. 400 gols.

Rafinha – 4,0: Fora de forma, sem ritmo de jogo, mais reclamou que jogou, precisa urgente voltar a jogar ou o angolano passa por cima.

Deivid – 8,0: Jogou no sacrifício e mesmo assim marcou três gols, agora é recuperá-lo e deixar o artilheiro balançar as redes.

Lincoln – 7,0: Entrou bem em campo, entrando no segundo tempo, conseguiu manter o ritmo e minimizar a pressão dos adversários.

Everton Costa – 5,0: Sem ritmo de jogo não conseguiu manter o nível de Deivid, pelo menos foi esforçado.

Bottinelli – 6,0: Ótimo reserva, entra com vontade de jogar e promete brigar para ser titular.

Geraldo – 6,0: Jogou pouco, mas tem muita raça e não sabe o que é jogada perdida.

Julio César – 0,0: Atacante que não faz gol, não arma jogada e não sua a camisa.

Marquinhos Santos – 5,0: Algumas coisas ninguém entende no técnico, porque de Urso é uma delas, mas as substituições estão fazendo efeito e o time é líder.

Notas do Alto da Glória:

 A reta da Mauá começou a ser construída, a previsão é de dez meses, mas o presidente quer que termine antes do prazo.

Alan Kardec, ainda é especulado no Coxa. Ainda mais depois que Coxa e Benfica firmaram um acordo para trocar experiências em administração e futebol.

Se Kardec pode vir, Abner grande revelação das categorias de base pode estar indo embora, e Benfica entra de novo na historia, além dos lusos, Manchester City também estaria interessado.

Das arquibancadas vem à força do time, mais de 15 mil torcedores de média, parabéns nação alvi-verde.

Cresce a empolgação para que uma estátua de Alex seja construída na frente do Couto, e se o titulo vier, o Major Antonio Couto Pereira não vai ficar brabo se o estádio passar a se chamar Estádio Alexsandro de Souza.

Comentários

INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL
Pelada na Net
E-Consulters Web Não Intendo Tenso O Macho Alpha Testosterona Capinaremos Mentirinhas Will Tirando
Categorias
<