Coluna do Cruzeiro #1 – Superação | FUTIRINHAS

Coluna do Cruzeiro #1 – Superação

Por Lécio Barros 

dede-comemora-seu-gol-na-partida-entre-atletico-pr-e-cruzeiro-pela-2-rodada-do-brasileirao-1369857401837_1920x1080

O que se esperar de um jogo quarta feira às 15 horas da tarde pelo campeonato brasileiro? A hora do encontro já parecia um desafio a nos espectadores, mas o que aconteceu durante a partida pôde ser ainda mais bizarro.

Nessa ultima quarta feira o Cruzeiro foi até o Paraná para enfrentar o furacão, seria mais uma partida normal, como tantos outros que aconteceram e acontecerão entre as duas equipes, se não fosse pelo horário inusitado e a qualidade do gramado no mínimo afrontosa aos bons costumes do futebol. É plausível que um jogo seja marcado à tarde, pois o estádio apresenta problema com iluminação e não poderia jogar na parte da noite? Tudo bem podemos entender! Mas, é possível jogar futebol a nível profissional em um gramado naquelas condições? Não estamos falando de um desgaste natural que não compromete a partida, estamos falando de um brejo, um pasto, o famoso campo de várzea. Uma afronta ao consumidor e ainda mais ao profissional que tem de jogar naquela situação, jogar bola num gramado ruim não é apenas difícil é também perigoso, sem duvidas é muito mais fácil se lesionar e ainda ter seu futebol questionado pela torcida.
O Cruzeiro demorou para entender a situação e assimilar que a técnica e a bola no chão deveriam dar espaço a outros métodos se quisessem ganhar o jogo. Logo no inicio o furacão abriu o placar e o poder de reação do Cruzeiro foi nulo, deveria se vencer o gramado para tentar vencer a partida. Aos 28’ 2×0 Atlético/PR, estava com cara de goleada o Cruzeiro seria ali massacrado e enterrado naquele lamaçal, era rezar pro primeiro tempo acabar logo. A bola não chegava ao Dagoberto e o Diego Souza estava apagado dentro de campo, o furacão aproveitava do lado esquerdo do Cruzeiro como se cutucasse uma ferida e estava funcionando. Logo no final do primeiro tempo uma grata surpresa Dedé diminui para o Cruzeiro! Fim do primeiro tempo e a esperança de buscar o resultado, o time volta a campo e para a surpresa do time rubro-negro aos 17 segundos o Cruzeiro empata o jogo, o quer que o Marcelo Oliveira tenha dito no vestiário FUNCIONOU. Com a entrada de Luan o time mudou a postura foi para o ataque e não saiu com a vitoria por pouco, o Cruzeiro conseguiu se adaptar e mudar o cenário do jogo que a principio era favorável para o furacão.
O empate no Boqueirão não foi de todo ruim, o gramado péssimo poderia ter causado danos ainda maiores para o resultado da partida, Borges saiu lesionado e desfalcará o time já contra o Botafogo, Dagoberto com desgaste também foi substituído, o Cruzeiro mostrou que pode se adaptar e passar por cima de obstáculos como estes, mas convenhamos time algum deveria se sujeitar a jogar em uma pocilga como aquela.
Notas da Partida:
Fábio – 7,0 (Fez uma boa defesa e evitou o que poderia ter sido pior)
Ceará – 5,5 (Bons lances do meio de campo pra frente, mas com dificuldade para marcar)
Bruno Rodrigo – 7,0 (Consistente e seguro)
Dedé – 8,0 (Consciente, seguro, firme, alem de fazer um gol)
Egídio – 4,5 (deficiência na marcação e problema crônico no time)
Leandro Guerreiro – 5,5 (muito esforça, pouca técnica e qualidade bom reserva)
Nilton – 6,0 (não comprometeu)
Diego Souza – 5,5 (apareceu pouco no jogo e não buscava a bola)
Everton Ribeiro – 4,0 (Sempre muito participativo, mas teve seu futebol prejudicado pela qualidade do gramado)
Dagoberto – 6,5 (buscou jogo, mas a bola não chegava em seus pés)
Borges – 5,5 (Brigou bastante conseguiu um passe pro gol, mas se contundiu tendo que sair)
Luan – 7,5 (Entrou com vontade de jogar e buscar seu espaço mudou a cara do jogo)
Ricardo Goulart – 6,0 (não apareceu muito, mas não comprometeu)
Anselmo Ramon – 5,5 (a bola queima nos seus pés, tem muita vontade, mas pouca qualidade para ficar com ela fez o pivô muito bem)

Comentários

INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL
Pelada na Net
Não Intendo Tenso O Macho Alpha Testosterona Capinaremos Mentirinhas Will Tirando
Categorias
<