Grandes Craques do Futebol #3 – Allejo | FUTIRINHAS

Grandes Craques do Futebol #3 – Allejo

Allejo é o melhor jogador que a seleção brasileira de futebol já teve. Ele participou da série International Superstar Soccer nas três primeiras edições: International Superstar Soccer, International Superstar Soccer De Luxe e International Superstar Soccer 64 (este último, depois de raspar a cabeça, vítima de câncer, na mesma época da Camila de Laços de Família).

Hernesto Roni Allejo nasceu em Campinas, interior do estado de São Paulo, começando a jogar ainda muito cedo pelo Corinthians. Logo na estreia, marcou 12 gols de bicicleta e foi contratado pelo 15 de Novembro de Campo Bom. Agora em uma equipe maior, ele conquistaria o mundo em muito pouco tempo, sendo campeão da Libertadores e do Mundial Interclubes no mesmo dia.

Assim, chegou á Seleção Brasileira do Game International Super Star Soccer. Lá, jogando ao lado de craques como Paco, Roca, Gomez, Santos e Souza, levantou muitos canecos a marcou mais de 10.093 gols, entre eles, destaca-se um contra a Argentina, onde o eterno camisa 7 chutou a bola do vestiário e ela entrou no ângulo.

Em 1998, já com 36 anos, após ser contratado por Roma, Inter de Milão, Milan, Fiorentina, Juventus e Lazio, conseguiu a proeza de ser campeão italiano pelos seis na mesma temporada.

Em 1999, foi contratado pelo Valencia da Espanha, fazendo excepcional temporada, chegando até a conquistar o campeonato inglês pelo clube espanhol.

No início dos anos 2000, já velho e acabado após a invenção do Winning Eleven, ele resolveu voltar ao Corinthians porque dizia ter uma dívida com a Fiel. Lá, influenciado pela má qualidade dos seus companheiros, marcou apenas um gol, anulado pelo juiz após vergonhoso impedimento. Acabou ficando, como todo o time, na vice-lanterna da Copa João Havelange.

Irritado, e já sofrendo as consequências do câncer de próstata, ele fugiu do Parque São Jorge em 2001, levando todas as economias do clube e foi morar com uma prostituta em Mátchu Pítchu, onde teve 5 filhos e reside até hoje. Semana passada, já com 73 anos, fez um gol pelo Real Madri sem entrar em campo.

(Allejo no jogo, em 1996 quando marcou 48 gols contra a Argentina)

 


(Tributo sobre Allejo, o Rei da grande área)

 

(Allejo, depois um período fora da seleção, voltou com a 9 e estava com câncer, mesmo assim deixou sua marca)

E o que antes parecia rumor, está se confirmando, Allejo vai protagonizar um filme sobre seu momento atual, jogando no futebol sueco. O filme Allejo Eterno já é o mais esperado dos últimos 200 anos em todo o mundo.

(A imagem mais famosa do maior craque brasileiro de todos os tempos, ALLEJO)


Comentários

INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL
Pelada na Net
Não Intendo Tenso O Macho Alpha Testosterona Capinaremos Mentirinhas Will Tirando
Categorias
<